segunda-feira, 13 de agosto de 2018

PRF recupera na BR 101 motocicleta roubada em Aracruz


A Polícia Rodoviária Federal recuperou na uma motocicleta CG 160 de cor vermelha, durante fiscalização de combate à criminalidade na BR 101, Km 252, em Serra/ES.
Durante abordagem, o condutor não apresentou documento de identificação pessoal e do veículo à equipe, sendo realizada posteriormente, vistoria minuciosa no veículo, identificando restrição de furto/roubo para a mesma, ocorrido em 30/05/2018, no município de Aracruz/ES.
Diante dos fatos, o condutor foi encaminhado, junto ao veiculo apreendido, à Delegacia de Policia Civil de Laranjeiras para as medidas cabíveis.

Mulher é presa após marido ser esfaqueado em pracinha da Serra


Uma mulher foi presa suspeita de ter matado a facadas o próprio marido. O crime teria sido cometido depois de uma discussão em uma pracinha do bairro José de Anchieta, na Serra, na noite da última sexta-feira (10). Segundo a polícia, o golpe fatal foi dado no pescoço da vítima.
De acordo com testemunhas, crianças, adolescentes e adultos estavam no espaço quando a morte aconteceu. Populares ainda tentaram ajudar a vítima, mas o homem não resistiu ao ferimento. Ninguém sabe o que motivou a briga, mas testemunhas contaram que ouviram o homem gritar e logo depois viram a mulher esfaquear o marido. Ferido, ele ainda tentou pedir ajuda, mas caiu morto a poucos metros do local.
De acordo com a polícia, a facada atingiu uma das principais veias do pescoço da vítima. Após matar o marido, a mulher tentou fugir, mas acabou detida pelos policiais. No bairro, a suspeita é conhecida como "Coquinho". De acordo com vizinhos do casal, marido e mulher brigavam constantemente.
O homem assassinado foi identificado como Luiz Fernando Carraro, de 35 anos. Até momento, nenhum familiar foi ao Departamento Médico Legal (DML) para fazer a liberação do corpo.

ES tem surto de forma mais grave da malária


O Espírito Santo enfrenta um surto inédito da forma mais grave da malária - causada pelo parasita Plasmodium falciparum que, normalmente, só ocorre na Região Norte do País, onde a doença é endêmica. O Estado já registrou 106 casos da infecção por mosquitos Anopheles. Uma pessoa morreu.
Segundo o secretário estadual de Saúde, Ricardo Oliveira, os casos estão concentrados nas comunidades vizinhas de Vila Pavão (86 casos), onde foi decretada situação de emergência, e Barra de São Francisco (20 casos).
As duas comunidades têm uma população grande proveniente de Rondônia. A Vigilância Sanitária acredita que o surto tenha sido causado por um caso importado, embora a hipótese não esteja comprovada.
Não existe vacina para a doença. Mas, nas áreas endêmicas, além das barreiras físicas, alguns medicamentos são usados como prevenção.

Em média, 300 lojas são assaltadas por mês no Espírito Santo


Em média, todos os meses, 300 assaltos ou furtos são registrados no comércio em todo o Espírito Santo. Metade das ocorrências é na Grande Vitória, de acordo com o presidente da Federação do Comércio, José Lino Sepulcri. Ele se reuniu com a Secretaria de Estado da Segurança Pública (Sesp) que repassou os dados para representantes do comércio em busca de ações que possam diminuir o índice de violência. Comerciantes, junto com outros setores, terão reuniões mensais com a segurança pública. Eles irão discutir o problema e colocar idéias em prática


sexta-feira, 10 de agosto de 2018

Serra tem caso de malária, mas risco de transmissão local é baixo

Mesmo com um caso confirmado de malária na Serra em 2018, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) afirma que o risco da doença ser transmitida na cidade e municípios vizinhos é extremamente pequeno. Esse caso foi registrado em janeiro e segundo informações da assessoria de comunicação da Prefeitura da Serra, trata-se de um caso importado, ou seja, a pessoa se infectou fora do território da cidade.
A assessoria de imprensa da Sesa não passou outras informações sobre o caso. Disse apenas que o município já reforçou junto com as unidades de saúde os procedimentos para pacientes com sintomas de malária e a necessidade de notificação imediata à Vigilância Epidemiológica. A prefeitura também realizou capacitações técnicas para profissionais realizarem o teste da doença em hospitais.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...